Políticas educacionais durante a pandemia serão avaliadas por subcomissão

Políticas educacionais durante a pandemia serão avaliadas por subcomissão

Foi instalada, nesta quinta-feira (2), a Subcomissão Temporária para Acompanhamento da Educação na Pandemia, no âmbito da Comissão de Educação (CE) do Senado. O senador Flávio Arns (Podemos- PR) foi eleito presidente do colegiado, e a senadora Zenaide Maia (Pros- RN), a vice-presidente. O objetivo da subcomissão é avaliar, no prazo de 120 dias, os impactos da pandemia na educação, especialmente para os estudantes de famílias mais vulneráveis.

Flávio Arns explicou que o trabalho terá três focos: o que aconteceu com o ensino no início da pandemia, principalmente com o ensino à distância; como está a situação atual com o retorno às aulas presenciais; e os caminhos para a recuperação do conteúdo perdido.

— Sobre, por exemplo, tecnologia, acesso à internet nas escolas, nas casas dos alunos, equipamentos, educação em tempo integral, merenda escolar, a questão da profissionalização, a busca ativa de alunos que saíram da escola, e precisam ser buscados para retornar — completou o senador.

Já Zenaide Maia ressaltou que a comissão deverá apontar caminhos para evitar prejuízos aos estudantes e retrocessos na garantia do direito à educação.

— É importante que a população tome conhecimento que esta Casa se preocupa, que ela está vendo que não deveria ser esse o impacto na educação, como não deveria estar sendo na saúde. Dar esperança ao povo brasileiro. E que a gente está dando o diagnóstico com essas palestras e tentando encontrar solução junto a todos. Suprapartidário, que educação não tem partido — ressaltou.

Além de Arns e Zenaide, serão titulares da subcomissão o presidente da Comissão Temporária Covid-19, senador Confúcio Moura (MDB-RO), o relator, Wellington Fagundes (PL-MG), e o senador Antônio Anastasia (PSD-MG).

No plano de trabalho, estão previstas, até outubro, audiências públicas com a presença de alunos e professores que atuam em sala de aula, além de entidades do setor.

O relatório final será apresentado em novembro. Também haverá uma pesquisa de opinião pública sobre educação na pandemia, feita pelo Instituto DataSenado.

Fonte: Agência Senado

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não pode ser publicado.