O SAMD (Domingada)

O SAMD (Domingada)

  1. SAMD (Serviço de Assistência Multidisciplinar Domiciliar) – foi criado por mim, logo no início do meu primeiro mandato. Seria um novo hospital, com pacientes fazendo o tratamento em casa. Uma moto, duas bicicletas, um enfermeiro, um médico e três técnicos de enfermagem. Uma sala na Academia de Polícia da Av.  Amazonas;

 

  1. SAMD – extraordinário serviço humanizado de saúde. Pacientes terminais, sequelados de todos os  tipos, que teriam longa internação, foram para casa. O Estado foi ampliando toda estrutura na casa. Um Whatsapp entre a equipe e os familiares foi criado.  A família passou a ser a cuidadora.

 

  1. FABRÍCIO CARPINEJAR – deu palestra aqui em Brasília, auditório cheio, servidores e convidados. Ele disse: “o mundo é dos feios. Porque os bonitos não precisam de nenhum esforço. Eles não têm graça. Enquanto, os feios, precisam ser artistas, com o tempo, a mulher acostuma com ele, esquece a feiura, e, passa a  amá-lo com profundo apego”.

 

  1. DONA JUVINHA – (educadora integral) – foi professora da minha mãe na década de 40, em Barreiras (BA). As duas já falecidas. Seus familiares acharam as fichas de matrícula dos seus alunos. Minha mãe estava lá. Eu fui avisado. Fiquei feliz. Ela a ensinou a bordar, dedilhar bandolim, ler e escrever corretamente e a cantar hinos evangélicos. Passava o dia bordando e cantando.

 

  1. HAGAHÚS ARAÚJO – JOÃO LEAL, JOÃO DE ABREU, PADRE JOÃO MAGALHÃES, OSVALDO PÓVOA,  MADRE ARANZAZU (e todas as freiras do Sagrado Coração de Jesus) – anos 50, 60, 70 –   grandes benfeitores, transformadores para o lado do bem, da educação de qualidade, do nosso sertão amado (Dianópolis – TO). Um legado inesquecível. Todos eles e outros mais, nos seus tempos, foram insurgentes, insurrectos, revolucionários a partir da sua localidade.

 

  1. ESCOLAS INTEGRAIS – parece que não falar é bem melhor do que falar, porque já deu tão certo este modelo. Ainda dá, mas termina não indo à frente. O que dá certo deveria continuar. Aqui não. Se deixar a coisa como está, talvez, talvez mesmo só daqui a 500 anos,  é que se concluirá de fato. E a educação integral estará em todas as escolas do país.

 

  1. RECONSTRUIR AS CIDADES – sim. Reconstruir as cidades a partir das crianças. A escola não é uma preocupação para a vida. Ela é a própria vida. A criança como princípio da revolução – da compaixão.

 

  1. O AMOR – é um recurso escasso. E este amor que falo aqui, é o amor que deveremos construir em nosso país. O amor solidário. Que pode ser praticado pelo respeito, pela justiça, por menos violência e com melhores serviços públicos. Tendo como base, a boa formação de uma geração futura melhor do que a atual. E tudo isto, pode iniciar logo.

 

  1. REFORMA DA PREVIDÊNCIA – deve ser votada e concluída semana que vem. Nenhuma reforma previdenciária há de resolver o seu déficit brutal. Todas foram pequenas, parciais. E virão outras, por necessidade. A capitalização para os novos servidores será uma necessidade inexorável.

 

  1. EDUCAÇÃO DE QUALIDADE – decisão politica é indispensável. Querer. “Reforço escolar sólido. Professor bem preparado é indispensável. E material preparado em suas mãos” (Claudia Costin). Acrescento – avaliação de desempenho permanente. Para  que cada aluno seja capaz de aprender. E tocar o projeto adiante, sem interrupção.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não pode ser publicado.