Confúcio Moura sugere ao MEC uma campanha de conscientização de retorno às aulas

Confúcio Moura sugere ao MEC uma campanha de conscientização de retorno às aulas

Durante a sessão deliberativa remota do Senado nessa quarta-feira (30), o presidente da Comissão Temporária da Covid-19 (CTCovid-19), Confúcio Moura (MDB-RO), afirmou que a audiência pública com o Ministro da Educação, Milton Ribeiro, nesta quinta-feira (01), às 10h será importante e que é fundamental uma grande campanha de comunicação do Governo Federal para mobilizar os pais de que a educação é um fundamento importante para o país.

O reinício das aulas presenciais a partir de agosto, segundo o senador que acredita na imunização de todos os professores até lá, disse esperar que o Ministério da Educação (MEC), mesmo sem ter uma relação estreita com a educação básica, possa fazer uma grande coordenação nacional entre prefeitos e governadores, no sentido de fazer uma efetiva comunicação para convencer os pais a encaminharem os filhos de volta para a escola.

O parlamentar afirma que será necessário o governo ajudar a fazer uma busca ativa aos alunos de 13 a 17 anos que praticamente se evadiram da escola, que não querem mais estudar. “Esse é um trabalho grandioso, para nós não perdermos uma geração. Então é fundamental uma grande campanha de comunicação do Governo Federal, não é? Que possa assim mobilizar os pais, convencer de que a educação é um fundamento importante para o nosso País, para o seu crescimento”, disse.

Confúcio Moura disse que este é momento fundamental da Comissão da Covid-19 que está prosseguindo no tempo com resultados. “Nós lutamos e estamos lutando muito pela vacina, mas a vacina já está com o seu cronograma estipulado. Nos grupos prioritários, já fomos incluindo os professores e outros grupos prioritários. E agora para a frente é a salvação, estamos trabalhando agora a salvação”, explicou.

Sobre as crianças de 5 a 9 anos de idade que estão na fase de alfabetização e em outros anos escolares mais adiantados, o senador lamentou que, com um ano sem escola, eles já esqueceram quase tudo, perderam toda aquela base de conhecimento. “Então, é fundamental mesmo, por isso que a Kátia Abreu (PP-TO) solicitou esse requerimento para um debate importante do Ministro da Educação, Milton Ribeiro, com o Senado Federal e com o povo brasileiro”, concluiu.

 

Foto: Agência Senado

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não pode ser publicado.