Categoria: <span>Poemas e Crônicas</span>

Home / Poemas e Crônicas
o tempo incerto
Post

o tempo incerto

tempo! não sei como medi-lo: – se com fita métrica, GPS ou corda. meu pai nunca mediu o tempo, ele apenas o deglutia como um gole de água fresca. cada momento, a depender da alegria, tem a sua velocidade. o tempo de um plantão no corpo da guarda não é o mesmo do tempo que...

de sol a sol solidão
Post

de sol a sol solidão

de sol a sol a solidão E pão e água e álcool   de sol a sol a reclusão transpirar este ar miúdo amansar esses dias de pó comer da cal de dentro   de sol a sol soletrar quem nos falta contar os que nos cercam relembrar encontros suspirar ausências   de sol a...

Amargurado
Post

Amargurado

Ah, o amargurado da vida! Finge tudo! Finge não ver a beleza, ignora o talento, engole elogios… Elogiar? Não! Elogiar é algo que dói na alma e na existência do amargurado. E que vida! Ele detesta, culpa todo mundo. Grita que se não foi bom o suficiente ninguém será.  Do outro lado da rua, ri...

Sobrevivente
Post

Sobrevivente

” Às vezes os covardes são os que sobrevivem!” Mas sobreviver como? Me interessa viver! São as cicatrizes que validam as quedas que levei na fase pueril, que reverenciam emoções que vivi enquanto corria alegramente por aí, e bem longe das responsabilidades do agora.  São emoções que me fazem lembrar que estou vivo! Prefiro viver,...

O vazio do ego
Post

O vazio do ego

Eu não gosto das pessoas pelo dinheiro que elas têm, nem pela profissão que elas exercem. Intimamente falando, nada disso me impressiona! Sento até no chão pra escutar uma boa conversa e tomo qualquer café (até o mais adocicado que detesto) se a companhia for agradável! Não suporto gente ” estrelinha” que se sente superior....

Perdoe  sempre!
Post

Perdoe sempre!

Em tempos de pandemia e de um mar de incertezas, perdoe todos os dias, perdoe sempre! Diga as pessoas o quanto elas são importantes pra você!  Se não podemos ter uma maior presença física, que não deixemos ninguém no frio! Nunca sabemos quando será de fato a última vez que teremos a oportunidade de acolher...

Intensidade – Poema
Post

Intensidade – Poema

A intensidade é algo que machuca o intenso e quem está ao seu redor. Intensidade é fogo e fogo queima , não é algo que se possa dosar. Nem todos estão acostumados com as chamas , então mais fácil que regular o fogo é apagá-lo. Está aí a grande explicação do universo particular que de...

Dias de Trevas – Poema
Post

Dias de Trevas – Poema

Como se não bastasse As pancadas da vida Não me pouparam Na hora da morte… Roubaram meus direitos Fizeram emenda na lei Sem velório E sem a festa que imaginei… Me conduziram solitário A cova Como um criminoso Que não merece perdão Jogaram na minha cara A terra do meu torrão. Manipularam resultados Pra me...